ARGILA VERDE: BENEFÍCIOS E USOS

Um pouco de História


A prática de banhar-se em argila é algo milenar. Animais, como hipopótamos e elefantes, envolvem seus corpos em argila para proteção contra o sol e insetos. As araras, após a ingestão de sementes que lhes fazem algum mal, comem argila. Foi observando a natureza que povos do passado aderiram ao uso de argila para diferentes utilidades: - No Egito antigo, a argila era utilizada no embalsamento de múmias, também na conservação de alimentos de origem animal. A ingestão de argila era remédio contra inflamações e úlceras, e o uso estético também existia: máscaras de argila e banhos de imersão. - Hipócrates, Galeno, Avicena e Plínio, pensadores estudiosos dos princípios da medicina, utilizavam argila para tratamento de pessoas acometidas de Reumatismo.


- Na Primeira Guerra Mundial (1914-1919), soldados alemães recebiam 200g de argila para utilização em ferimentos ou via oral, em caso de distúrbios de saúde.


Diferentes argilas possuem diferentes composições físicas e químicas, pois tais características são originadas da combinação dos diferentes elementos químicos presentes no solo, tais como alumínio, cálcio, ferro, magnésio, potássio, silício, bem como dos locais de onde são retiradas, como são armazenadas e como são preparadas para uso. Neste texto, falaremos da argila verde.



Pote de argila verde
A argila verde antes de ser misturada


Dentre todas as argilas, a argila verde é a que possui a maior diversidade de elementos em sua composição. É indicada para peles regulares, mistas e oleosas, pois auxilia no controle da produção sebácea, sendo excelente no tratamento facial e corporal, além de ser antioxidante, também tonifica a pele, tem ação adstringente e é estimulante.


Formas de uso


Há três principais maneiras de utilizar argila verde na pele, que são a máscara facial, o cataplasma e o banho terapêutico:

Homem buscando os benefício da argila verde no rosto
Máscara de argila verde no rosto


Máscara de argila verde: É necessário diluir a argila verde em água até a consistência ficar pastosa, macia, de modo a pincelar a argila na pele e espalhar como uma tintura. Pode-se adicionar, com cuidado na quantidade, gotas de algum óleo essencial, como alecrim, que torna a máscara anti séptica e revitalizante, ou melaleuca, que torna a máscara bastante bactericida, cicatrizante, clareadora.


Primeiro, é importante lavar bem o rosto com o sabonete de preferência, para prepará-lo para a aplicação da máscara facial.



Mulher lavando o rosto com sabonete.
Antes de aplicar a máscara, lave bem o rosto

Após a lavagem, passar a argila verde na pele, com movimentos circulares, preenchendo suave e uniformemente.


Depois da aplicação, sinta o relaxamento: Escolha um lugar confortável para ficar, um som tranquilo para ouvir e aprecie a geoterapia acontecendo através da argila verde no rosto. Deixe a máscara de argila verde no seu rosto até secar (dica: se tiver algum óleo essencial na máscara, o tempo mínimo é de 20 minutos).


Durante a aplicação da máscara de argila verde, é comum sentir a pele do rosto ‘repuxar’, pois a argila verde tem essa função tensora da pele. Outra sensação, menos relatada e específica da argila verde no rosto, é de ‘leve pinicar’, mas esse é o processo comum da secagem da argila verde na pele. Essa argila possui função esfoliante sem você precisar esfregar o rosto.


A máscara de argila verde também pode ser usada no cabelo, e é benéfica tanto para os fios, quanto para o couro cabeludo: reabastece o couro cabeludo e fios com minerais, e absorve toxinas, eliminadas no enxágue. Diante de algum ardor ou sensação incômoda, recomenda-se lavar o rosto ou cabelo com bastante água.



Mulher fazendo tratamento estético com argila verde
Cabelos e couro cabeludo podem se beneficiar da argila


Cataplasma de argila verde: O cataplasma de argila verde é feito da mesma maneira que a máscara, e também pode ter algum óleo essencial presente, como o de cedro do Himalaia, que tem função antiinflamatória e analgésica, ou de eucalipto, que é relaxante e alivia tensões musculares, e também previne a descamação da pele.


As diferenças entre a máscara e o cataplasma de argila verde são:


  • Consistência: o cataplasma é mais pastoso do que a máscara;


  • Local de aplicação: a máscara é mais delicada e facial, o cataplasma é mais grosso e pode ser em diferentes locais do corpo;


  • Temperatura: a máscara tem a temperatura ambiente, já o cataplasma pode tanto gelado (entorses e hematomas), quanto quente (dores reumáticas, tensão muscular).


O cataplasma é bom para picadas de insetos: a argila verde, na pele, realiza uma troca de toxinas que auxilia na diminuição do veneno do inseto, aliviando as sensações de inchaço e desconforto, e também contribui para a cicatrização da lesão; também alivia queimaduras e irritações na pele.



Mulher em uma banheira tomando banho de argila verde
A argila também pode ser usada em banhos


Banho de argila verde: o banho de imersão em argila verde ostenta todas as qualidades e benefícios que a argila verde proporciona:


  • Repõe minerais, absorve impurezas, ajuda na regulação da oleosidade da pele;


  • Clareia manchas, regenera tecidos, é cicatrizante;


  • Favorece a circulação sanguínea;


  • Alivia tensões musculares e dores, tem função antiinflamatória;


No caso de não haver uma banheira disponível, um bom sabonete de argila verde será útil! É só deixar o sabão atuar na pele por alguns minutos (não se esqueça de desligar o chuveiro!) e depois enxaguar normalmente.


No banho, o corpo todo se beneficia com a ação da argila verde, proporcionando grande relaxamento e conexão com o corpo, com autocuidado, com a ação da argila verde na pele e com o uso ancestral da terra para o trato do corpo e da mente.



Máscara de argila verde no rosto
Aproveite o ritual de auto-cuidado proporcionado pela argila verde

Resultados do tratamento


Os resultados da geoterapia com argila verde, seja a máscara, o cataplasma ou o banho, aparecem através da repetição moderada: é interessante realizar essa terapia de duas a quatro vezes por semana, bem como utilizar argila verde e óleos essenciais de qualidade e em quantidades moderadas, visto que são bastante concentrados de minerais e potentes na ação.


A argila é um produto do tempo: rochas passam por transformações milenares que resultam num produto que nos ajuda a chegar no melhor de nós: pele limpa, melhor circulação, relaxamento e alma lavada! Partilhe você também das benesses da argila verde na pele!

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo